SEJA BEM VINDO, AMIGO (A)*****************ESTE É O BLOG: MIGUEL JR ARTS*************************************************************************************************************************SEJA BEM VINDO, AMIGO (A)*****************ESTE É O BLOG: MIGUEL JR ARTS*************************************************************************************************************************
Contador Grátis Miguel Souto: VÍDEO INFECTED MUSHROOM - LIVE STUDIO LEGENDADO

Quem sou eu

Minha foto

Radialista, nascido em Aracaju-Se, estudante de administração, amante da astronomia - vê na Ciência/Cosmologia o meio para a resposta da maioria das grandes questões. Compositor que também desenha, e além disso, escreve roteiros e cria outras coisas. Ateu, empático, pacifista. Apaixonado por rock, música eletrônica e filmes, sobretudo de ficção. Autodidata, obsecado por conhecimento.

MINHAS ANIMAÇÕES

Loading...

domingo, 16 de julho de 2017

VÍDEO INFECTED MUSHROOM - LIVE STUDIO LEGENDADO

Conheci o som agitado desse grupo de psytrance ou goa trance em meados de 2004. Os dois principais integrantes israelitas são: Erez Eisen, compositor, músico, produtor e tecladista e Amit Duvdevani, vocalista, músico e produtor.


O projeto surgiu em 1997 e desde então eles continuam em atividade, com o som ainda mais '"psycodelicamente" refinado.

Teclados eletrônicos, plugins, mixers, samples originais, programas inéditos e uma impressionante técnica, além de inserções de belíssimas melodias e rifs de guitarra bem trabalhados, todos alicerçados numa forte batida eletrônica com altos BPMs.

O que diferencia essa banda das demais é a inovação e ousadia sonora: são elementos eletrônicos inéditos inseridos nas vozes ou nos instrumentos, que combinados com vocal melódico e o frenético trance, resulta no maior referencial do goa trance mundial.

Na minha opinião, a partir do quarto albúm "Converting Vegetarians" de 2003, o projeto ficou mais polido, mais definido, pois começaram a investir mais nos vocais melódicos - o primeiro albúm "The Gathering" de 1999, o segundo "Classical Mushroom" de 2000 e "B.P. Empire", o terceiro de 2001, foram praticamente instrumentais, o que não diminui sua relevância, por que são ricos na pegada trance, mas não marcantes na melodia.

Posso definir Infected Mushroom como um trance psicodélico alucinante original e melódico, apimentado com rock. 

Convém salientar que a introdução da guitarra nas batidas foi primordial, na minha concepção: une a turma do rock e a turma do eletro.

As músicas que mais aprecio são: "Heavyweight", "Saeed" e "Savant on Mushrooms".

Eles já tiveram no Brasil, inclusive próximo daqui de Sergipe, em Recife, mas por limitações financeiras momentâneas não pude comparecer.

Esse é o vídeo em 1080p realizado pela KCRW 89.9FM em 2012 e legendado pelo amigo Felipe Hakinny em inglês e português - bom pra quem deseja aprimorar a língua inglesa. Ótimo trabalho, Felipe.  O vídeo foi compactado no programa Hankbreake e aúdio em mp3 com duas tracks a 320 Bitrate. 

Agora é só apreciar esse som deliciosamente alucinante no volume máximo e viajar nas ondas do goa trance. 

Vídeo sem fim lucrativo. Créditos totais a Infected Mushroom e KCRW 89.9FM.

Obs.: Segundo Felipe Hakinny, há dois errinhos ortográficos (um til que ele esqueceu e a palavra 'para' com o "p" separado. Relaxa, amigo. São detalhes que a gente não liga, pois não comprometem o sentido das frases, nem o trabalho final.

Enjoy, folks! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Amigo(a), sua opinião é relevante. Esse espaço é todo seu. Críticas, retificações ou ratificações são sempre bem vindas. Não utilize, porém, palavrões ou depreciações. Obrigado.