SEJA BEM VINDO, AMIGO (A)*****************ESTE É O BLOG: MIGUEL JR ARTS*************************************************************************************************************************SEJA BEM VINDO, AMIGO (A)*****************ESTE É O BLOG: MIGUEL JR ARTS*************************************************************************************************************************
Contador Grátis Miguel Souto: COMPOSIÇÕES SERTANEJAS - AGORA SOFRE - O AMOR QUE TE DEI

Quem sou eu

Minha foto

Radialista, nascido em Aracaju-Se, estudante de administração, amante da astronomia - vê na Ciência/Cosmologia o meio para a resposta da maioria das grandes questões. Compositor que também desenha, e além disso, escreve roteiros e cria outras coisas. Ateu, empático, pacifista. Apaixonado por rock, música eletrônica e filmes, sobretudo de ficção. Autodidata, obsecado por conhecimento.

MINHAS ANIMAÇÕES

Loading...

terça-feira, 31 de janeiro de 2017

COMPOSIÇÕES SERTANEJAS - AGORA SOFRE - O AMOR QUE TE DEI



Olá. Acabamos de registrar nossas primeiras músicas no gênero sertanejo. Uma parceria com meu primo compositor Moisés Reeves. Temos há pelo menos dois anos diversas composições de forró e axé, mas ainda estão sob análise e seleção para registro.

Essa primeira música "Agora sofre" foi feita em uma única tarde, tamanha a naturalidade e fluidez na inspiração dupla. A segunda, finalizada alguns dias depois.

O objetivo é a divulgação da obra para duplas sertanejas. Pretendemos entrar em negociação comercial. Acreditamos que elas tem alto potencial nas mãos de uma ótima produtora e de cantores profissionais.

"Agora sofre" é direcionada a uma dupla sertaneja masculina e relata a desilusão de uma separação e, de certa forma, a tentativa inicial frustrada da parceira em buscar outro alguém, geralmente com interesse apenas sexual. Situação bem comum.


 


Essa segunda música "O amor que te dei" é focada numa dupla sertaneja feminina e demonstra fielmente (ou tenta) o sentimento doloroso de uma mulher sentada numa mesa de bar, ou numa festa, tentando esquecer do seu ex, uma tarefa árdua. 

Mesmo após uma traição, embriagando-se, a mulher pensa na remota possibilidade de ainda ter seu amado, mesmo sabendo que este não a merece. Muitas mulheres passam por situação de infidelidade e precisam superar isso. Essa música é um relato desse sentimento triste, de perda.

Este intérprete que fala aqui com vocês e é locutor, tem limitações no canto, portanto falhas eventuais devem ser ignoradas.

Essa música originalmente estava em G (sol) , mas baixei para F (fa). Foi um desafio cantá-la por que exigiu grave máximo na parte: "...de ficar com ele..."; E agudo elevado no segmento: "...essa história de...". Se eu baixasse o tom ficaria mais confortável no refrão, mas não conseguiria fazer essa parte da estrofe.

O playback dessas duas músicas foi feito no FL, utilizando plugins como Real Guitar, Ample Sound Bass ABPL2 (baixo), Addicitive Drums (bateria), Ilya Efimov Accordion (sanfona) etc.

A bateria tem pouquíssimas viradas, pois não tenho experiência com a mesma, tão pouco com o estilo, e não encontrei base pré-programada em sertanejo universitário. Segui algumas dicas de bateristas em videos do Youtube e 'desenhei' as batidas.

Considerando as limitações na produção e no vocal acredito que o resultado está bom/regular. Como dito, o objetivo é a negociação da obra.

É exatamente por pensar comercialmente que não vejo limitações em gênero musical, afinal amo rock e eletrônica. Mesmo pessoalmente não apreciando gêneros como forró e o proposto - o que não significa que não possa haver exceções, poucas músicas que curto, e há -, é preciso, comercialmente falando, abraçar carinhosamente todos os estilos, estudá-los, e dedicar-se integralmente a composição, independente de sua classificação, afinal podemos adaptá-las.

Espero que muito em breve essas músicas sejam executadas por grandes nomes nacionais e cantada por grandes plateias.

Agradecimentos aos amigos Caraíba, Jodevan, Hélio, minha maninha Ellen, meus pais, e claro, meu talentoso primo, grande compositor sergipano Moisés Reeves.

Contato: (79) 99645-8089
migueljrarts@hotmail.com

Curta, compartilhe, comente.  Obrigado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Amigo(a), sua opinião é relevante. Esse espaço é todo seu. Críticas, retificações ou ratificações são sempre bem vindas. Não utilize, porém, palavrões ou depreciações. Obrigado.