SEJA BEM VINDO, AMIGO (A)*****************ESTE É O BLOG: MIGUEL JR ARTS*************************************************************************************************************************SEJA BEM VINDO, AMIGO (A)*****************ESTE É O BLOG: MIGUEL JR ARTS*************************************************************************************************************************
Contador Grátis Miguel Souto: VICTOR E VICTÃO COSMONAUTAS - 036

Quem sou eu

Minha foto

Radialista, nascido em Aracaju-Se, estudante de administração, amante da astronomia - vê na Ciência/Cosmologia o meio para a resposta da maioria das grandes questões. Compositor que também desenha, e além disso, escreve roteiros e cria outras coisas. Ateu, empático, pacifista. Apaixonado por rock, música eletrônica e filmes, sobretudo de ficção. Autodidata, obsecado por conhecimento.

MINHAS ANIMAÇÕES

Loading...

terça-feira, 9 de setembro de 2014

VICTOR E VICTÃO COSMONAUTAS - 036


Tirinha 36, de Victor e Victão Cosmonautas. Uma super reflexão sobre o perigo que os asteroides representam ao planeta Terra e à vida humana. 

Análise temática da tirinha:

Em 1994, uma série de impactos foram vistos no gigante Júpiter. Era o Cometa Shoemaker-Levy 9, descoberto em março de 1993 pelos astrônomos Carolyn Shoemaker, Eugene Shoemaker e David H. Levy. 

Parabéns aos descobridores desse cometa. Aqui vai nossa pequena homenagem póstuma, portanto, ao grande astrônomo Eugene Shoemaker, que infelizmente faleceu em um acidente de carro em julho de 1997. Em um documentário ("Em Júpiter", do Discovery, no Youtube), ele, feliz, relata sua experiência única, quando sua esposa revela tal objeto fragmentado, e sua emoção ao confirmar e acompanhar as explosões. Obs.: apenas estou direcionando o link. Reservas aos autores.

Em 2013 fomos pegos de surpresa com o meteoro de Cheliabinsk, que adentrou a atmosfera terrestre sobre a Rússia, em fevereiro, deixando diversas pessoas feridas.

Mais recentemente, no último domingo, dia 07 de setembro, o asteroide 2014 RC passou a 1/10 a distância da Terra-Lua, cerca de 34 mil Km, raspando o globo.

Esses acontecimentos, absolutamente naturais, e até de extinção em massa, como aconteceu com os dinossauros, só nos lembram uma coisa: estamos vulneráveis e podemos ser extintos a qualquer momento. Em tese, sofreremos graves perdas com o impacto de um asteroide (não diria que toda a civilização será dizimada), é apenas questão de tempo. O que podemos fazer? Intensificar o monitoramento, para descobrir o quanto antes objetos que representem perigo, como os Neos acima de 1 Km de diâmetro. E por fim, tentar intervir, alterar sua trajetória.

Abordei tal tema em meu roteiro para filme de catástrofe futurista: 2118: Recomeço. Você pode baixar o roteiro completo aqui. Segundo cientistas, tentar implodir um asteroide ou meteoro, como ocorreu no ótimo e recomendadíssimo filme Armageddon é um erro, porque como se dividiria em diversas partes grandes, agravaria a situação. Ironicamente no meu roteiro, após uma tentativa externa dar errada (explodir um artefato próximo ao objeto) eles perfuram e introduzem um dispositivo explosivo. Resultado: o objeto se transforma em dois. Um cai no Rio de Janeiro e outro na Europa. Mais detalhes é só acompanhar o roteiro.

Assim como no meu roteiro exploro a fundo os aspectos humanos comportamentais sob circunstâncias extremas, essa tirinha demonstra superficialmente isso. Mesmo superficialmente, algumas pessoas podem ficar perplexas com a nudez e a falta de censura da tirinha: Victão nú correndo no meio da rua. O objetivo é cômico e não tenho problemas com nudez artística. Além disso, essa tirinha representa palidamente o que muitos de nós faríamos se soubéssemos de nossa morte iminente: a maioria, suponho sairia às ruas cometendo pequenos ou grandes crimes (como ocorre em meu roteiro) estupro, sexo em via pública, suicídios, afinal a morte viria em alguns minutos. Fica a reflexão sobre tal aspecto humano. 

Já iria me esquecer: o ego humano é um problema sério. Victor descobriu o asteroide, mas, como ambos estavam em missão, nada mais justo do que batizar o nome do objeto após um consenso, ou nesse caso fictício, Victor e Victão 10. Ambição, preponderância, poder, autoritarismo, não são e jamais serão qualidades humanas.

Obrigado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Amigo(a), sua opinião é relevante. Esse espaço é todo seu. Críticas, retificações ou ratificações são sempre bem vindas. Não utilize, porém, palavrões ou depreciações. Obrigado.